Residências Refúgio

© Ivo Rodrigues

“Residências Refúgio” nasce da fusão da missão do Largo Residências, Fórum Refúgio e Fundação Aga Khan, com o objectivo de actuar na inclusão e melhoria de condições de vida das pessoas requerentes de asilo e refugiadas que habitam no eixo Almirante Reis, em Lisboa.

Com o apoio do programa Bip-Zip da Câmara Municipal de Lisboa, este projecto piloto de apoio à integração de refugiados e requerentes de asilo pretende, por meio de mediação e de práticas culturais de inclusão social, através de uma metodologia participativa, actuar na formação e capacitação deste grupo, reforçar as redes de apoio local através de uma aproximação mais directa a estas comunidades, e potenciar a sua integração numa fase crítica de período terminal do programa de acolhimento onde se vêm sem uma rede social de suporte.

Ainda que se possa observar uma optimização do processo de recolocação, são vários os obstáculos sentidos antes, durante e após os programas de acolhimento apontados pelas organizações de apoio. Entre outros, evidencia-se a falta de aproximação directa à comunidade de refugiados, o não reconhecimento das suas competências, e, especialmente, a falta de acompanhamento e inexistência de programas para os cidadãos requerentes de asilo.

Com a pandemia de Covid 19 estes obstáculos são ainda mais sentidos, aumentam situações de intolerância e discriminação perante estes grupos, e é com base neste diagnóstico que surgem as “Residências Refúgio”.


Promotor: LARGO Residências 

Apoio: BIP ZIP - Câmara Municipal de Lisboa

Parceiros: Fórum Refúgio e Fundação Aga Khan


Conheça melhor o projecto na apresentação abaixo. Brevemente, o Site próprio

 

Residências Refúgio - Apresentação de Apoio Produção LARGO Residências

A partir de: 
13 de Novembro de 2020

Parcerias