Hélène Veiga Gomes

© Pauliana Pimentel© José Mendes© Cabé
Nacionalidade: 

Franco-portuguesa nascida em Paris em 1986. site

Trabalha para a produção e a transferência de conhecimento, cruzando duas perspectivas: as problemáticas da cidade contemporânea com as questões do papel da imagem na sociedade.

É doutora em Antropologia com uma tese sobre o processo de transformação do Intendente em Lisboa (Bolsa de Doutoramento da FCT) e investigadora no Laboratoire Architecture Anthropologie - UMR 7218 CNRS em Paris e no CRIA - ISCTE em Lisboa.

Ensina as Ciências Socais e foi docente na École Nationale Supérieure d'Architecture Paris Malaquais.

Desenvolve projectos aplicados com stakeholders urbanos — arquitectos, urbanistas, instituições, usando os métodos qualitativos para trazer respostas.

Realiza projectos culturais, dentro de quais se destacam as exposições INTENDENTE(s) e VARIAÇÕES DA FÉ, o filme documentário ENTRE NOUS e a curadoria da exposição EVERYTHING WE HEAR AND MANY THINGS WE DON'T.

De momento — Abril 2018, coordena o projecto ESCUTA para o LARGO Residências sobre o plano de desenvolvimento territorial do GABIP Almirante Reis, é investigadora no CIES - ISCTE para o projecto Diversidade, Migrantes e Cidade Empreendedora, é Organizadora do congresso Why The World Needs Anthropologists e trabalha activamente a traduzir a sua tese num objecto partilhável.

Tem um gato preto chamado Raoul Abdul, gosta imenso de música, vive em Lisboa e viaja regularmente para Paris e Londres.

 

Artista