Zona da Mata Norte Pernambucana :: Residência Aberta

A dança que somos (Helder Vasconcelos) // Flor de cana (Mestre Aguinaldo Roberto)
Dança
Helder Vasconcelos e Aguinaldo Roberto
Sexta, Dezembro 6, 2019 - 21:00

 A DANÇA DO QUE SOMOS  - solo de dança 
Helder Vasconcelos

Música, dança e teatro são partes de um mesmo fazer. É assim no Cavalo Marinho e no Maracatu Rural, tradições da Zona da Mata Norte de Pernambuco, de que participo desde 1992 e às quais credito minha formação de artista. É onde aprendi o que chamo de “um jeito de fazer”.
Composto de muitos elementos, que se organizam em diversos princípios, esse jeito de fazer também é a base das minhas criações. Independente do contexto onde esteja me apresentando, me comunico e me expresso seguindo esses princípios.
Um dos elementos básicos desse jeito de fazer é a pulsação e um dos princípios utilizados é a relação direta e precisa entre o fazer com o corpo e essa pulsação, seja para produzir um som, seja para se movimentar. Organizando essa pulsação de determinadas formas vamos adentrando nas especificidades das tradições. Pulsando com o “baião” chegaremos no Cavalo Marinho e no Maracatu Rural.
Esta palestra demonstração é para apresentar alguns desses princípios e como trabalho esses princípios nos meus espetáculos e no desenvolvimento de instrumentos digitais. É também um convite para plateia desfrutar de uma das maiores potências do uso desses princípios: o encontro.
 


FLOR DE CANA - solo de dança
Mestre Aguinaldo Roberto – Cavalo Marinho

O solo Flor da Cana articula poeticamente as dimensões do trabalho na cana de açúcar e o brincar de Cavalo Marim e Maracatu Rural. Esses universos se encontram no corpo de Aguinaldo Roberto, morador da cidade de Condado – PE, ex-trabalhador da cultura canavieira e brincador desde a adolescência de Cavalo Marim e Maracatu Rural. Hoje, com 52 anos, trilha suas memórias entre os derrubares do trabalho da cana, sua vida no brinquedo, os tombos, a timidez - a poeira: derradeira a qual todo folgazão pertence ao mesmo tempo em que tem medo de ficar com o avançar da idade. As quedas e os levantares, a busca de outras figuras que misturam os sabores desse viver, assim como a
música, a dança, o teatral e o trabalhar que se ajuntam nesse pisado.


Inserido no projecto Maracatu de Baque Solto Leao de Ouro de Condado

Projecto FCT: The Healing and Emotional Power of Music and Dance (HELP-MD)
Apoio: FCT, FCSH, INET, Renovar a Mouraria, LARGO Residências