Mad Sven

Mad Sven - Gaspar Borges
Artes Plásticas
Pintura
Gaspar Borges
Segunda, Dezembro 21, 2020 - 10:00 to Quarta, Dezembro 30, 2020 - 22:00

Mad Sven
Mad Sven é uma criança perdida. É uma recusa em crescer e em tornar-se num adulto responsável. É uma desculpa que fugiu porta fora e assumiu uma forma de nómada nesta vida de movimento perpétuo. Encontro-o sempre entre A e B sem se preocupar como será quando um dia, atravessar a linha de chegada. Para ele, o mais importante é o que acontece entre estes dois pontos, naquele país especial onde as coisas boas acontecem.  Onde os dias são efémeros e para serem vividos. Será aí que vai encontrar o ouro e as cores que compõem as histórias das maravilhas. Chegará o dia de contá-las aos nossos netos, antes que tranquilidade vença a inquietação e a vida dê o seu lugar à morte.  

I am not a Mormon 
Esta coleção explora o conjunto de experiências e emoções que enfrentamos todos os dias numa realidade que se impõe, muitas vezes, num ritmo vertiginoso. Cabe-nos a nós chegar com sucesso a um equilíbrio constante e necessário com o feedback frenético que nos é imposto, para o nosso próprio bem. O problema está em todas as vezes que não o conseguimos e em que deixamos um rasto desolado para trás. 
Tudo gira em torno deste personagem chamado Mormon. Numa terra sem homens, será ele que acabará por ter de lidar com as consequências das decisões que o Homem tomou, durante o seu período na Terra. 
Mormon vem do espaço e aterrou numa planície gelada, uma metáfora para a solidão em que, por vezes, vivemos. Gosta de se vestir de coolie chinês, enquanto procura o sentido da vida e da morte.

Conspiracy of surfing
Conspiradores com uma agenda hedonista preparada para trazer prazer e alegria ao dia-a-dia. Vivem na sombra do sorriso do trabalhador para ajudar a enfrentar os desafios que vêm com um curto orçamento familiar mensal. A Conspiração do Surf não procura nem deseja uma revolução. Não pretende deitar abaixo um governo. A sua luta, é pela alma e coração de todos os homens a quem são devidas reparações e que têm aguentado uma sequência interminável de dias cinzentos. Homens que sonham com linhas azuis, que vêm do horizonte, e que viram uma vez, num poster na rua, feito para os empurrar do vigésimo terceiro andar. Foram aterragens duras, como bem podem imaginar, mas valeram todo o sacrifício, em nome da promessa de ondas perfeitas que correm em águas azuis e cristalinas.

Gaspar Borges

Biografia
Casado com a Inês, pai de 3 miúdas lindas e surfista. 
Na faculdade, licenciei-me em Ciências da Comunicação e especializei-me em jornalismo. Terminado o curso, foi por aí que seguiu meu percurso profissional. Fui repórter durante vários anos, e durante esse período fiz parte da equipa da RTP. 
Essa fase terminou quando surgiu uma oportunidade para participar num projeto na área da produção de filmes. Já não regressei ao jornalismo e durante os 12 anos seguintes dediquei muitas e muitas horas a preparar e a garantir a logística necessária para a realização de inúmeras produções publicitárias e outros tantos eventos.  
O desenho e a pintura surgiram no fim deste período. E por causa destas duas formas de expressão, encontrei o gosto em explorar narrativas. 
Hoje, é o que faço todos os dias, no estúdio. De certa forma, o meu trabalho é a expressão de uma vontade de contar fragmentos de histórias que, espero, serão, tanto visual como narrativamente, interessantes. 
A banda desenhada e o cinema sempre fizeram parte da minha bagagem cultural, por isso acho que é aí que vou buscar as ferramentas para me exprimir e contar o que se passa, na minha cabeça. Tenho tendência para criar personagens que continuam a crescer, a cada novo trabalho. Como numa história que vai evoluindo. Às vezes, o próximo trabalho é uma continuidade do anterior. Às vezes, não é. E funciona como um poster que se coloca na sala de estar, enquanto na aparelhagem toca uma canção dos Arcade Fire, muito, muito alto, antes de ir surfar :)

Site / Facebook / Instagram 


“Mad Sven” de Gaspar Borges 

21-30 Dez. 
13h-19h


Loja de Arte Pop Up do LARGO é uma proposta que consiste em promover o trabalho de artistas visuais  através da sua criação, exposição e venda. 
20% da aquisição de cada obra reverte a favor da LARGO Residências no sentido de ajudar à continuação das actividades desta cooperativa cultural. 


Apoios

Fundação Calouste Gulbenkian (Fundo de Emergência Covid 19)
Câmara Municipal de Lisboa - RAAML (Regulamento de Atribuição de Apoios pelo Município de Lisboa)
Junta de Freguesia de Arroios 

Parcerias